Archive for setembro \12\UTC 2009

>Dias passado

>

E quando nada mais tiver sentido
Eu vou olhar para os meus dias
Reconhecer a ternura e a capacidade que tive
Em amar e ser amada
E recordar um por um, cada um que fez de mim o que serei
Vou lembrar-me de tudo que conquistei,
Tudo que perdi e tudo que sonhei
Lembrarei desse dia de sol, do calor na pele
Dessas tardes de sábado
De cada palavra mencionada
De cada toque demorado
De cada abraço aconchegante
Desses que faz a gente esquecer o tempo
E dos beijos, todos eles
Repletos de afeto, de ternura, de amizade, de cumplicidade.
Saberei que aqui dentro morou alguém que soube amar
Algumas vezes mais do que devia, outras menos
Mas conheceu o amor…
Amor ágape, puro e sereno
Amor que não espera, que não deseja só sente e se dá
E não me arrependerei de nenhum desses momentos
Porque eles me fazem hoje ser o que serei

Monilis

Read Full Post »

%d blogueiros gostam disto: